“Se matamos uma pessoa somos assassinos. Se matamos milhões de homens, celebram-nos como heróis " – Charles Chaplin

Arquivo por Autor

O fenômeno “Cabelo de Anjo”

Venho trazer a esse novo post um fenômeno que é conhecido como cabelo de anjo Um dos fenômenos mais intrigantes e inexplicáveis para ciência é estudado desde 1954, quando dois jovens, na sacada de um hotel em Veneza, avistaram um objeto voador não identidade. Logo depois, uma substância com aspecto gelatinoso e frágil, como uma teia de aranha ou um cabelo bem fino, começou a cair do céu. O fenômeno se tornou cada vez mais frequente em certas regiões do planeta, e ficou conhecido como “Angel Hair” (Cabelo de Anjo).

Esse estranho acontecimento é sempre relacionado com a aparições de objetos voadores não identificados. A substância cai do céu como uma neve bem fina, e desaparece totalmente ao toque  humano, ou depois de algumas horas, os italianos chamam o fenômeno de “Algodão angelical”,e os franceses de “Madonna está presente” .

As fotos a seguir foram publicadas num site norte-americano, e como todo assunto controverso envolvendo fatos inexplicáveis, geraram muitas controvérsias. Algumas pessoas mais céticas alegaram tratar-se de fungos naturais, outras pessoas compararam o fenômeno com outro similar que aconteceu em 2002 em Alessandria, na Itália, que foi estudado cientificamente e apresentado como não sendo nenhum composto biológico natural,como teias de aranha ou fungos.

cabelo_de_anjo_1_thumb[2] cabelo_de_anjo_3[4] cabelo_de_anjo_4[4]

O professor Danilo Cozzi do Instituto de Química da Universidade de Florença conseguiu a nos atrás uma amostra de um estudante italiano chamado Alfredo Jacopozzi,uma das poucas pessoas que conseguiram até hoje coletar num tubo de ensaio um pouco dos fios que caíam do céu. Segundo o professor ” É um material fibroso, que é altamente resistente à tração e torção. Depois de submetido a ação do calor, o material torna-se escuro e se evapora, deixando transparente os detritos que restaram de quando se derrete”.          

Post de : Filho Chen                    

Anúncios

Uma Noite Sombria

Estamos voltando com mais esse post muito curioso por sinal, pessoal alguma vez já pareceu que você estava sendo observado por alguém ou alguma coisa mas como isso de alguma maneira o incomodou você preferiu não dar atenção a isso, e você mesmo não dando atenção voltava aquela sensação de que algo estava ali logo ali bem perto só lhe olhando o tempo todo algo que mesmo assim não o deixava em paz e aquele medo começando a lhe apavorar cada vez mais a ponto de aumentar sua frequência cardíaca suor frio e os olhos com movimentos a cada segundo mais rápidos   8-1     Lembra aquele momento, que você estava sozinho em casa sem nada para fazer e apenas pensando longe relaxando naquela noite calma, vazia e escura e de repente em uma fração de segundo algo pós você a pensar no quanto estava silêncio e esse momento começava a lhe perturbar e inquietar mas nada além do silêncio e a obscuridade o rodeavam o que antes era pura calma e tranquilidade então eu via ao meu redor nada mais que um vazio intenso mas de toda forma, me encontrava calmo, sereno e pensando. Sem que eu conseguisse perceber comecei a escutar estranhos ruídos e sinistras vozes lamentos ou talvez gemidos …. não sabia de onde vinham, me senti impotente de repente esses sons pararam e em seu lugar um macabro riso começou a soar. Fazia em minha mente um eco ensurdecedor que simplesmente não parava e parecia não ter mais fim perdendo a calma completamente não conseguia mais ter ação nenhuma a não ser ouvir e observar tudo paralisado então comecei a perceber uma silhueta semi- humanoide, com dois vermelhos e sombrios e penetrantes olhos e de sua direção era possível ouvir várias gargalhadas cada vez mais seguidas e fortes em minha mente junto daquela sensação ruim. quarto escuroa Perdi o controle a ponto de gritar “QUEM È ” “QUEM É VOCÊ  ?” “ O QUE QUER ?”.Não me dizia nada, apenas ouvia risos e gargalhadas eu fiquei com muito medo e assim pedia para que me respondesse e mesmo assim não me respondeu então fechei os olhos e os cobri com as mãos foi ai que as lágrimas e o desespero tomaram conta de mim. Após alguns minutos, abri os olhos, tirei as mãos dos olhos e não havia nada. “ Então fiquei confuso seria um sonho ….Ou melhor, um pesadelo?” “Estou ficando louco?” “Algo realmente aconteceu?” E fiquei surpreso pois esse tipo de experiência é mais comum do que pensei . Quando fui ao psiquiatra, ele me receitou alguns remédios e disse que eu sofria destress. Não me contentei com essa afirmativa e fui em busca de informação na internet, encontrei pessoas que tiveram a mesma experiência que eu   Há um ser das trevas que assombra a mente humana. Ele está sempre presente , mas não lhe  é permitido interferir em nossas vidas mas as vezes é possível vê-lo e é nesses momentos que ele apavora suas vitimas algumas vezes o vemos acordados, outras em sonhos, outras vezes o  ouvimos mas não somos capazes de vê-lo, ele nos leva a cometer erros, a fazer escolhas erradas, á depressão e mais uma série de coisas ruins. Ele está sempre ao nosso lado esquerdo e há quem diga que ele faz parte do nosso lado negro, perverso e malevolente este ser nunca nos deixa só. ap_20061015062837459   Algumas pessoas passam pela experiência de escutá –lo ou visualizá-lo. Foi o que aconteceu comigo. Por quê ? No momento mais difícil, escuro e justamente quando estamos sozinhos e angustiados e toma conta de nos aquele vázio, Ele consegue forças suficientes para se fazer visível. Uma criatura extremamente obscura um ser vindo das trevas que leva cada ser humano ao erro ao descontrole emocional. Aquele que perturba o seu sono que lhe traz pesadelos. Aquele que lhe induz a afundar mais ainda a lâmina e a saltar ou ainda a ser estrangulado no momento do suicídio Aquele que o faz perder o controle da situação.

Então pessoal comentem ai se vocês já passaram por alguma experiência como essa ou parecida, esse espaço é nosso mesmo estejam aberto a opinar sobre o post. Abraços e até o próximo post

Ass:  FilhoCheng


Civilizações Extraterrestre

Pessoal.Hoje venho trazendo um post sobre quão avançada as civilizações extraterrestres poderiam ser, é com esse embasamento que fiz esse post então pessoal espero que gostem e chega de conversa e vamos ao que interessa.

resistanceburningskies01
Em seus últimos anos, Carl Sagan fez, em uma ocasião a seguinte pergunta : “ Que significa para uma civilização ter a idade de um milhão de anos? Nós obtivemos radiotelescópios e naves espaciais há apenas umas poucas décadas ; nossa civilização técnica tem apenas poucas centenas de anos … Uma civilização avançada de milhões de anos está muito mais distante de nós do que nós estamos de um pequeno arbusto na forma de um símio”

Ainda que qualquer conjectura sobre tais civilizações avançadas seja só uma especulação, penso que podemos usar as leis da Física para estabelecer os limites superiores e inferiores destas civilizações. Em particular, agora que as leis no campo da Teoria Quântica, Relatividade Geral, Termodinâmica, etc… , estão bastante bem estabelecidas, a Física pode impor amplos limites físicos os quais restringem os parâmetros destas civilizações. Esta pergunta não vai mais além de uma frívola especulação, Dentro de pouco, a humanidade pode sofrer um -choque existencial quando a atual lista de uma dezena de planetas extra-solares do tamanho de Júpiter cresça a centenas de planetas do tamanho da Terra, gêmeos quase idênticos de nosso lugar celeste. Estamos iniciando o uso de uma nova classe de telescópio, O telescópio espacial de interferometria, o qual usa a interferência de raios de luz para amplificar o poder de resolução dos telescópios. Por exemplo, a Missão de Interferometria Espacial (Space Interferometry Mission o SIM) consta de múltiplos telescópios situados ao largo de uma estrutura de 10 metros. Com uma resolução sem precedentes aproximando-se do limite físico da óptica. O SIM é tão sensível que quase desafia a imaginação: orbitando a Terra, pode detectar o movimento de uma lanterna agitada por um astronauta em Marte ! O SIM, ademais pavimentará o caminho para o Buscador de Planetas Terrestres (Terrestrial Planet Finder ), que deverá identificar ainda mais planetas similares a Terra. Este poderá analisar as 1.000 estrelas mais brilhantes em um raio de 50 anos luz desde Terra e se centrará nos 50 a 100 sistemas planetários mais brilhantes. Tudo isto estimulará um esforço ativo em determinar se algum deles pode albergar vida, talvez alguns com civilizações mais avançadas que a nossa. Ainda que seja impossível predizer as características exatas de tais civilizações avançadas, podemos analisar seus limites usando as leis da Física. Não importa quantos milhões de anos nos separam deles, eles devem obedecer também as leis de” ferro” da Física, as quais já estão bastante avançadas para explicar muito, desde as partículas subatômicas até a estrutura em enorme escala do Universo.

A Física das civilizações de tipo l, ll, e lll Em concreto, podemos classificar as civilizações por seu consumo de energia, usando os seguintes princípios :

Escala de Kardashev
As leis da termodinâmicas: inclusive uma civilização avançada está limitada pelas leis da termodinâmica, especialmente pela Segunda lei, e pode, portanto ser classificada pela energia de que dispõe.
As leis da matéria estável : a matéria bariônica (baseada em prótons e nêutrons) tende a reunir-se em três grandes agrupamentos: planetas , estrelas e galáxias, isto está bem definido pelo produto da evolução galáctica e estrelar , fusão termonuclear, e etc.
As leis da evolução planetária : qualquer civilização avançada deve incrementar seu consumo de energia mais rapidamente que a frequência de catástrofes que ameacem a vida (por exemplo, impactos de meteoritos, glaciações, supernovas, etc… ) Se crescem mais lentamente, estão condenados à extinção. Isto marca O limite inferior para a taxa de crescimento destas civilizações.
Em um artigo original publicado em 1964 no Journal of Soviet Astronomy, O astrofísico russo Nicolai Kardashev teorizou que as civilizações civilizadas devem estar agrupadas de acordo com três tipos: Tipo l, ll, e lll, as quais chegaram a dominar as formas de energia planetária, estrelar e galáctica, respectivamente. Kardashev calculou que o consumo de energia destes três tipos de civilização estariam separados por um fator de muitos milhares de milhões. Porem, que tempo levará alcançar a situação de Tipo ll e lll ?

O astrônomo de Berkeley Don Goldsmith nos recorda que a Terra recebe ao redor de uma bilionésima parte da energia do Sol, e que os humanos utilizam só uma milionésima parte desta. De modo que consumimos ao redor de uma trilhonésima parte da energia total do Sol. Na atualidade, a produção energética total de nosso planeta é aproximadamente de 10 trilhões de ergs por segundo. Porém nosso crescimento energético cresce de forma exponencial, e, portanto podemos calcular quanto nos levaria a alcançar a situação de tipo ll ou lll.

Goldsmith disse: “Veja quão longe chegamos no uso da energia uma vez que compreendemos como manipular, como obter combustíveis fósseis e como criar energia elétrica apartir da força da água, e assim sucessivamente; temos aumentado nosso uso de energia em uma quantidade extraordinária em apenas um par de séculos comparado com milhares de milhões de anos de existência de nosso planeta…. e da mesma forma poderia isto se aplicar a outras civilizações “

O Físico Freeman Dyson estima que , em um prazo não maior do que 200 anos, deveríamos alcançar plenamente a situação de tipo l . Deste modo, crescendo a uma modesta taxa de 1% por ano, Kardashev estimou que levaríamos 3.200 anos para alcançar a situação de Tipo ll, e 5.800 anos para a situação de Tipo lll.
Por exemplo, uma civilização de Tipo l é plenamente planetária, dominou a maioria de formas de energia de seu planeta. Sua produção de energia pode estar em ordem de milhares de milhões de vezes a produção atual de nosso planeta. Mark Twain disse uma vez. “Todo mundo se queixa do clima, porém ninguém faz nada para mudá-lo” Isto poderia mudar com uma situação Tipo l, a qual tenha suficiente energia para modificar o clima. Também teriam suficiente energia para alterar o rumo de terremotos, vulcões e construir cidades nos oceanos
Atualmente, nossa produção de energia nos qualifica para o estado de transição do Tipo 0 para a consolidação do Tipo l. Derivamos nossa energia não do aproveitamento de forças globais mas da combustão de plantas mortas (por exemplo, petróleo e carbono ) Porém, já podemos ver as se mentes de uma civilização de Tipo l. Vemos o começo de uma linguagem planetária (Inglês), um sistema de comunicação planetário (Internet), uma economia planetária ( a força da União Européia, por exemplo), e inclusive os começos de uma cultura planetária (meios de comunicação, TV, música, rock e cinema )Por definição, uma civilização avançada deve crescer mais rápido que a frequência de catástrofes que ameacem a vida. Como o impacto de um grande meteorito ou cometa tem lugar uma vez a cada milhões de anos, uma civilização do Tipo l deve dominar a viagem espacial para desviar os escombros em um lapso de tempo que elimine o problema. As glaciações tem lugar em uma escala temporal de dezenas de milhares de anos: então civilizações de Tipo l deve aprender a modificar o clima dentro deste marco temporal
2 Parte
As catástrofes artificiais e internas devem ser também levadas em conta. Porém o problema da contaminação global é só uma ameaça mortal para uma civilização de Tipo 0; uma civilização de Tipo l que tenha vivido durante vários milênios como civilização planetária, necessariamente leva a cabo um desequilíbrio planetário em nível ecológico. Os problemas internos supõem uma ameaça recorrente, porém têm milhares de anos de existência nos quais podem resolver conflitos raciais, nacionais e sectários.
Finalmente, depois de vários milhares de anos, uma civilização de Tipo l esgotará a energia de um planeta, e derivará sua energia do consumo da completa produção de energia de seus sóis, ou aproximadamente mil bilhões de trilhões de ergs por segundo
Com sua produção de energia similar a de uma pequena estrela, deveriam ser detectáveis desde o espaço . Dyson propôs que uma civilização de Tipo ll poderia inclusive construir uma gigantesca esfera ao redor de sua estrela para usar de forma mais eficiente a produção de energia total. Desde o espaço exterior, seu planeta brilharia como uma ametista ao sol. Dyson inclusive propôs buscar especificamente emissões de infravermelho (mais que as de rádio e TV) para identificar estas civilizações de Tipo ll.
Talvez a única ameaça séria para uma civilização de Tipo ll seria a explosão próxima de uma Supernova, cuja súbita erupção poderia chamuscar seu planeta com um fulminante jorro de Raios-X, matando todas as formas de vida . Desta forma, talvez a civilização mais interessante é a de Tipo lll, por ser verdadeiramente imortal esgotaram a energia de uma estrela individual e então alcançaram outros sistemas estelares. Nenhuma catástrofe natural conhecida pela ciência e capaz de destruir uma civilização de Tipo lll, Para enfrentar uma Supernova vizinha, teria distintas alternativas tais como alterar a evolução da gigante vermelha moribunda que está à beira de explodir, ou abandonar esse sistema estelar e terraformar um sistema planetário diverso.

Sem dúvida, há limites para uma civilização emergente de Tipo lll, Finalmente, se chocaria com outra das “leis de ferro” da Física, a Teoria da Relatividade. Dyson estima que isto poderia ser um obstáculo para a transição a uma civilização de Tipo lll de talvez milhões de anos
Porém, mesmo com a barreira da velocidade próximas a da luz, Por exemplo, a última medida da capacidade dos foguetes se toma mediante algo chamado “impulso especifico” (definido como o produto do empuxo e a duração, medidos em unidades de segundos) Os foguetes químicos podem alcançar impulsos específicos de várias centenas a milhares de segundos Os motores iônicos podem obter impulsos específicos de dezenas de milhares de segundos. Porém para obter velocidades próximas à da luz, se deve alcançar um impulso especifico de aproximadamente 30 milhões de segundos, o qual está muito longe de nossa capacidade atual, porém não para uma civilização de Tipo lll. Uma variedade de sistemas de propulsão poderia estar disponível para sondas de velocidades extremas (tais como motores de fusão, motores fotônicos, e etc…)
Devidos a que a distância entre estrelas é tão enorme, e o número de sistemas solares não aptos para a vida seja tão grande uma civilização de Tipo lll se encontraria com o seguinte dilema: Qual é a forma mais eficiente de forma matemática para explorar as centenas de milhares de milhões de estrelas da galáxia?

astronomia20

Na ficção cientifica, a busca de mundos habitáveis tem sido imortalizada por heróicos capitães que comandam valentemente uma solitária nave estelar, ou como os assassinos Borg, Uma civilização de Tipo lll que absorve uma menor civilização de Tipo ll (Como a Federação) . Sem dúvida o método matematicamente mais eficiente para explorar o espaço é bastante menos glamouroso: enviar flotilhas de sondas Von Neumann através da galáxia (chamadas assim em homenagem a John Von Neumann, que estabeleceu as leis matemáticas dos sistemas auto-replicantes)
Uma sonda Von Neumann é um robô desenhado para alcançar sistemas estelares muito distantes e criar fábricas que reproduziriam cópias de si mesmas aos milhares Uma lua morta é um destino ideal para uma sonda Von Neumann, muito mais que um planeta, devido a que se pode aterrissar e se lançar mais facilmente delas, e também devido a que estas luas geralmente não apresentam mais problemas de erosão estas sondas viveriam do solo usando os depósitos naturais de ferro, níquel, e etc…, para criar a matéria prima com o que construiriam uma fábrica de robôs. Criariam milhares de cópias de si mesmos, com o qual poderiam dispersar-se e seguir a busca em outros sistemas estelares

De forma similar a como um vírus coloniza um corpo com o tamanho de varias vezes o seu, finalmente teríamos trilhões de sondas Von Neumann expandindo-se em todas as direções, crescendo a um fração de velocidade da luz. Desta forma , inclusive uma galáxia de 100.000 anos-luz de tamanho poderia ser completamente analisada em digamos, meio milhão de anos.

Se uma sonda Von Neumann só encontra evidencias de vida primitiva (tais como uma inestável e selvagem civilização de Tipo 0) simplesmente permaneceria na lua esperando em silêncio que a civilização tipo 0 evolucione a uma civilização estável de tipo l. Depois de esperar pacientemente durante alguns milênios, se ativariam quando a emergente civilização de tipo l seja o bastante avançada para estabelecer uma colônia lunar. O físico Paul Davies da Universidade de Adelaide propôs a possibilidade de que uma sonda Von Neumann descansou em nossa lua, numa vista prévia a nosso sistema há milhares de anos atrás.

Ok pessoal esse post para que pensemos em outros mundos outras civilizações e outros seres inteligentes , analisem esse assunto e comentem. Abraços  acompanhem o blog que estaremos disponibilizando outros posts.

Ass:FilhoCheng


Imagem

Agora iremos ter a verdade revelada ou não ?

Rússia avisa : se os EUA não contarem a verdade sobre os extraterrestres, nós contaremos !
A realidade agora é outra: a acumulação de casos de objetos e relatos de aliens aumentou muito nos últimos anos então isso desperta a curiosidade das pessoas e as deixam cada vez mais pasmos com os acontecimentos e leva a buscar a verdade oculta sobre os seres extraterrestres então vamos ao post de hoje
Num Forúm que é o melhor conhecido por seu encontro anual em Davos, Um resort nas motanhas de Graubünden, a leste da região dos alpes na Suíça. O encontro reúne alguns dos 2,500 grandes lideres de negócios, líderes politicos internacionais, intelectuais escolhidos e jornalistas para discutir sobre as questões urgentes acerca do mundo em questão incluindo vários aspectos desde saúde meio ambiente e até acidentes naturais

Uma denuncia extraordinária do Ministério dos Assuntos Exteriores da agenda do Primeiro Ministro Medvedev no Fórum Econômico Mundial (WEF) dos estados essa semana, que a Rússia irá avisar ao Presidente Obama que a “hora está chegando” para que o mundo saiba a verdade sobre os aliens, e se os Estados Unidos não participarem no anúncio, o Kremlin o fará por si próprio.
untitled Então foi nesse evento que Medvedev foi questionado por um repórter se “ O presidente detém arquivos secretos quando ele recebe a maleta necessária para ativar o arsenal nuclear da Rússia “,  Medvedev respondeu:

Junto com a maleta sobre códigos nucleares, é dada pelo presidente do pais uma pasta “top secret. Essa pasta, em seu conjunto, contém informações sobre os aliens que visitaram o nosso planeta…  Junto com isso será dada a denúncia do serviço especial absolutamente secreto de exercicios de controle acerca dos aliens no território do nosso pais….  Informações mais detalhadas sobre o tema você pode consegui em um filme bem conhecido chamado (MIB) Homens de preto… eu não te contarei de que modo muitos deles estão entre nós porque isso poderia causar pânico nas pessoas.

Fontes de notícias do Ocidente relatam a chocante resposta de Medvedev sobre aliens determinada de que ele estava “brincando” quando mensionou (MIB) que foi suposto erradamente ter sido sobre o filme de comédia e aventura americano sobre dois agentes secretos que combatem aliens nos Estados Unidos. Medvedev, contudo não estava se refeeindo ao filme americano, mas estava se referindo ao documentário russo ( Men In Black ) que detalha muitas anomalias entre OVNIs e aliens.

Se alguém está “perdendo a cabeça “ a respeito dos aliens, isto preci

obama+aliens+contacto+março+2013+31+ufos_500x281

sa ser apontado, e certamente não é a Rússia, mas o Vaticano, que anunciou em Novembro de 2009 que estava se “preparando para uma revelação extraterrestre “.

Igualmente, e aparentemente, “perdendo a cabeça” estão os próprios oficiais do governo dos Estados Unidos, assim como o consultor do pentágono Timothy Good, e o autor de Above Top Secret: The Worldwide U.F.O. Cover-Up, que em Fevereiro de 2012 expôs que o antigo Presidente Dwight Eisenhower Teve três encontros secretos com aliens,  os quais foram em aparência ‘Nórdica’ , em que um ‘Pacto’ foi assinado para manter esta agenda da Terra Secreta.

Com a recente descoberta na cidade de Vladivostok, na Rússia, de 300 milhões de anos, de um OVNI como uma roda dentada, e cientistas, astronautas e usuarios do YouTube relatando cada vez mais estranhos acontecimentos na Lua, A agencia espacial Européia relatando sua descoberta de um antigo rio de 1,000 anos em marte, e cientistas do Reino Unido e do Sri Lanka dizendo que eles agora tem “uma rocha sólida como prova de vida alienigena” depois de encontrar uma alga fossilizada dentro de um meteorito, os únicos que viram para estar verdadeiramente “perdendo a cabeça” estão no Ocidente, especialmente Americanos propagandistas que por décadas tem escondido uma das mais importantes histórias em toda a história humana, a de que “Nós não estamos sozinhos”

Se Medvedev conseguirá convencer o regime de Obama a contar a verdade sobre OVNIs e aliens, na WEF essa semana, não é de nosso conhecimento. O que é de nosso conhecimento, entretanto, é que com ou sem os Estados Unidos, O Kremlin irá seguramente começar o processo sobre falar a respeito da verdade em torno do que já sabemos ser verdade.

 


Desde muito tempo atrás os primeiros desenhos que podem estar ligados a seres alienígenas foram feitos em cavernas em pedras e até hoje é algo que nos deixa muito intrigado como os humanos daquela época faziam esses desenhos se eles não os tivessem vistos realmente eles não teriam tanta imaginação capaz de produzir esses desenhos tão cheios de detalhes e nas mais diferentes formas.

A Caverna de Wandjina

“As tribos aborígenes de Arnhem, território situado ao norte da Australia, acreditam que há muito tempo em “Dreamtime” (nota: nome dado aos tempos antigos, “tempo do sonho”), um grande pássaro prateado, pousou sobre certo platô para botar um grande ovo prateado, de onde os primeiros membros da tribo foram chocados. Eles tinham pele branca. Ao redor da região de Ayers Rock, a tradição local é que os ancestrais dos Aborígenes vieram das estrelas.

“Há muito tempo atrás durante o Dreamtime, um grande ovo de cor avermelhada veio do céu. Ele tentou pousar seguramente no chão, mas se quebrou. De dentro dele, saíram heróis culturais de pele branca (deuses) e seus filhos.

Dos filhos, os mais velhos logo morreram, seja através de sua idade avançada ou devido a não poderem se acostumar com nossa atmosfera. As crianças, no entanto, eram jovens e capazes de se adaptar mais facilmente ao seu novo lar. Eles gravaram e pintaram a aparência de seus pais nas paredes de cavernas para perpetuar suas memórias.

Com o tempo, o grande ovo de cor avermelhada se desfez até que suas sobras se misturaram com a terra, dessa forma, criando o solo vermelho da Austrália Central. “Os filhos dos heróis culturais que vieram do céu se multiplicaram até que eles eventualmente povoaram toda a terra, suas peles ficaram escuras devido ao clima quente”.

 

As artes nas cavernas retratando os antigos ainda sobrevivem, mostrando figuras em indumentárias que lembram os astronautas dos tempos modernos. Os mitos e lendas Aborígenes, como os dos povos mais primitivos ao redor do mundo, fala dos “heróis-culturais” de Dreamtime (deuses) que desceram do céu no início da História para disseminar cultura aos habitantes primitivos da Terra. Estas tradições, ligadas a muitos sítios arqueológicos ao redor do mundo, sugerem a alguns Ufologistas que nos tempos remotos seres inteligentes de outros mundos no espaço podem ter visitado a Terra.

Para muitos pesquisadores, a evidência mais fascinante sustentando esta teoria são as muitas pinturas antigas e gravuras em rochas de cavernas do povo da idade da pedra encontradas mundialmente. As pinturas e gravuras em rochas dos Aborígenes Australianos, como muitas encontradas em outras partes do mundo, retratam animais e caçadas com frequência, mas, além disto, são vistos objetos e figuras humanas estranhas. Pesquisadores têm argumentado persistentemente se estas gravuras representam visitantes extraterrestres e suas espaçonaves ou os míticos heróis culturais e seus projetos totêmicos. Os Ufólogos argumentam que muitos destes objetos lembram os OVNIs que tem sido relatado ao redor do mundo.

As implicações são que, há milhares de anos , estranhos objetos eram observados nos céus pelo povo da idade da pedra. É discutível se estas obras realmente representam espaçonaves e seres extraterrestres.”

Abaixo imagens da “Caverna de Wandjina”, situada na região de Kimberly, Austrália:

A Caverna de Wandjina

Uma das imagens encontradas na caverna e muito curiosa pois se parece com algo do tipo santos ou mesmo Deus com uma especie de energia cósmica ao redor de sua cabeça, lembra-nos  imagens de seres divinos.

Um capitão chamado George Grey, em 1838, durante uma expedição de reconhecimento das montanhas do distrito de Kimberley, próximo do Rio Prince Regent, na Austrália Ocidental, se deparou com um conjunto de pinturas do tipo rupestre, muito estranhas. Parte da montanha havia desmoronado e deixado expostas cavernas escondidas pelos milênios, nelas haviam pintadas figuras extraordinárias Em seu diário, descrevendo o que  seria uma figura de um ser com aparência física humana vestido de vermelho com uma roupa que so deixa de fora as mãos, os pés e a cabeça o rosto e a cabeça da figura estão envoltos em uma sucessão de bandagens circulares estes são nas cores vermelhas, amarelas e brancas, sendo os olhos as únicas coisas representadas no rosto, na bandagem mais alta, pode se ver uma serie das linhas pintadas em vermelho, mas é impossivel dizer se eles foram pintados de proposito para representar o personagem  grafado, ou apenas como um ornamento para a cabeça

As pinturas ficaram conhecidas como: Wandjina (o espirito nele nubla ) e deram origem a muitas teorias, Os antropólogos acreditam que as pinturas estão relacionadas com mitologia aborígine na região, mas também sugere a possibilidade de que um padre, vestido com sua manta, vindo possivelmente num navio de exploração português ou espanhol. só não explicam como podem as pinturas terem sido executadas bem antes que as grandes viagem de descobrimento européia fossem idealizadas

Então fica ai esse post pra gente pensar alguns dizem ser seres extraterrestres outros dizem ser os ancestrais dos aborígines isso é um mistério a unica verdade apresentável é que as figuras permanecem até hoje lá nas cavernas até hoje sem nenhuma explicação plausível

Post: Filho Cheng


Os seis experimentos mais bizarros de todos os tempos

Os seis experimentos científicos mais bizarros de todos os tempos

Estamos aqui mais uma vez para observarmos  o quanto o ser humano pode ser cruel, bizarro esse post é dedicado aos cientistas malucos que sempre foram apresentados pela literatura e pelos filmes muitos deles são somente excêntricos, e acabam surpreendendo a todos positivamente por causa de suas manias e atitudes anormais . Entretanto, outros geralmente possuem  um lado sombrio e são capazes de criar grandes atrocidades. Os pesquisadores da lista abaixo não necessariamente possuem má índole , mas seus métodos usados para provar teorias e realizar conquistas são no mínimo assombrosos , confira agora os 6 experimentos científicos bastante assustadores

John W. Deering foi assassinado pelos cientistas em 1938, Ele já estava condenado a morte por ter assassinado uma pessoa durante um assalto e assim, teve o direito de concordar com a ideia de que os médicos monitorassem seus batimentos cardíacos durante sua execução a tiros .

No dia 3 de outubro de 1938, O condenado fez sua ultima refeição e seguiu para cumprir sua pena . sensores eletromagnéticos foram instalados em seu pulso e Deering foi alvejado pelos tiros de 5 atiradores pagos pela cidade de Salt Lake City . nos Estados Unidos .

O resultado da experiência registrou um espasmo de 4 segundos no coração de Deering pouco tempo depois, o coração teve outro espasmo e o ritmo foi diminuindo lentamente até parar por completo 15 segundos após a vitima ter sido baleada .

Segundo os autores do experimento, os resultados poderiam ser uteis para especialistas em cardiologia, já que  o efeito do medo sobre o ser humano. Os batimentos de Deering foram de 72 bpm para 180 bpm quando ele foi amarrado á cadeira de execução, Mesmo com a aparente

calma do preso, a média de batimentos ficou alta ate o fim do processo                                                                                     O cão de duas cabeças

O terrivel o experimento de Vladimir Demikhov aconteceu em 1954,Qundo o mundo ficou chocado ao ver um ção de duas cabeças, criado cirurgicamente. E a monstruosidade do cientista não terminou ai Ele não implantou somente a cabeça, mas sim toda a região dianteira de um filhote no pescoço de um pastor aleão adulto, Os jornalistas não  acreditavam no que viam, ainda mais quando as duas cabneças do animal beberam leite ao mesmo  tempo
A União Soviéntica ostentou o cachorro como prova da proeminência médica da nação e no decorrer dos quinze anos seguintes. Nenhum deles viveu por muito tempo, sendo vitimas inevitáveis da rejeição de tecido, O recorde foi de um mês.

Demikhov explicou que os cachorros faziam parte de uma série de experimentos que tinha como objetivo de descobrir uma técnica para o transplante de coração e pulmão humanos. Em 1967, O cirurgião sul-africano Christian Barnard foi o primeiro a transplantar um coração, mas Demikhov é amplamente reconhecido como o seu precursor .

Transplante de cabeça de macaco

Como era de se esperar, o feito de Vlad imir Demikhov acabou irritando outra superpotência da época, os Estados Unidos por isso na tentativa de mostrar que os seus cirurgioes eram melhores o governo americano financiou Robert White em uma série de cirurgias experimentais que resultam no primeiro transplante de cabeça de macaco do mundo em,  14 de março de 1970.

White e seus assistentes learam horas para realizarem a cirurgia, que exigiria até mesmo alguns movimentos coreografados para que pudesse ser realizados com sucesso. E eles conseguiram: remover a cabeça de um macaco e a implantaram em um novo corpo. Quando o macaco acordou no novo corpo, ele começou a seguir o cirurgião com os olhos e a demostrar raiva, deixando claro que não gostou do que tinha acontecido. Infelizmente , a cobaia sobreviveu por apenas um dia e meio, vindo a falecer por razões de complicações cirúrgicas.

Diferente do que aconteceu com Demikhov, Robert White  não foi tratado como herói pelo povo americano . A opinião publica, amedrontada pelo experimento, condenou veenmente o experimento de White. Mas isso não impediu o doutor de continuar com seus estudos , chegando a sugerir a realização do mesmo experimento com cabeças de seres humanos que,  pelo bem ou pelo mal, nunca chegou a acontecer. O cirurgião faleceu em setembro de 2010.

A eletrificação de corpos humanos

Em 178, o professor de anatomia Luigi Galvani descobriu que um pouco de eletricidade fazia com que os menbros de um sapo morto se contorcessem. Depois disso , outros cientistas européus decidiram replicar o experimento .Não demorou muito até que resolvessem partir para algo um pouco mais assustador, aplicar choques em cadáveres de seres humanos.

Foi quando Giovane Aldini, neto do professor Galvani , saiu em turne pela Europa apresentando um dos espetáculos mais esquisitos a que o mundo já assistiu. O ápice se suas apresentaçóes aconteceu em 1803, quando ele aplicou os polos de uma bateria de 120 volts ao corpo de um assassino que havia sido executado.

Quando Aldini encostou os fios eletricos na boca e em uma das orelhas do cadáver, os músculos da mandibula do morto se estremecerame era como se o ex assassino estivesse enfrentando uma grande dor. O olho esquerdo chegou a se abrir, como se estivesse encarando o seu torturador . Para terminar com chave de ouro, Aldini posicionou os fios na orelha e no reto do homem morto, fazendo fazendo com que o cadaver todo se sacudisse,como se estivesse voltando a vida.

Acredita-se que foi uma dessas experiências que influenciou Mary Shelley a escrever “Frankenstein”, romance de 1861 que se tornou um dos livros mais famosos do mundo.

O apetite sexual dos perus

Martin Schein e Edgar Hale, ambos da Universidade da Pensilvânia , ficaram intrigados com uma questão muito pertinente e que não podia ficar sem resposta : qual seria o minimo estimulo necessário para excitar um peru a ponto de ele tentar copular ? E antes que você pense besteira, e bom esclarecer . estamos mesmo falando da ave que sempre é servida na ceia de fim de ano,

Tão supreendente quanto a duvida dos cientistas foi o resultado por eles encontrado. Usando o modelo realista de uma perua, os pesquisadores foram removendo partes do seu corpo aos poucos. Mesmo sem asas , pés e cauda, o modelo continuou sendo atraente para a ave, que tentou copular mesmo assim .

Não contentes , Schein e Hale foram além : colocaram apenas a cabeça da perua em um palito de madeira e, mesmo assim, o peru demonstrou um grande interesse por aquilo. Na verdade, o estudo concluiu que a ave prefere a cabeça no palito a um corpo sem cabeça. Agora , tente não pensar nisso no próximo  natal.

Elefantes e LSD

O que acontece se você der lsd a um elefante ? Numa sexta feira, dia 3 de agosto de 1962, um grupo de pesquisadores de Oklahoma decidiu descobrir,

Warren Thomas, diretor do zoológico municipal, aplicou 297 miligramas de lsd em Tusco, o elefante. Dois outros cientistas, Louis Jolyon West e Chester M. Pierce, da faculdade de medicina da Universidade de Oklahoma, o acompanhavam.

A dose usada corresponde a 3 mil vezes a dose tipica utilizada em seres humanos, É a maior dose de LSD amais administrada a um ser vivo.

Posteriormente os cientistas explicaram que a experiencia foi planejada para descobrir se o LSD induziria o elefante ao estado de musth(um frenezi temporário que alguns machos as vezes experimentam durante o qual se torna extremamente agressivos e secretam uma substancia de odor desagradável pelas glândulas temporais ). Alguns criticos, no entanto , alegaram que não passou do desejo de satisfazer uma curiosidade doentia.

Seja lá qual for a razão do experimento ele não saiu como planejado. Tusco resgiu como se estivesse sido picado por uma abelha, trombeteou por seu cercado por alguns minutos e então caiu de pernas para o ar. Horrorizados, os pesquizadores tentaram revivê-lo, mas cerca de uma hora depois ele estava morto. Os três cientistas concluiram constrangidos “Parece que elefantes são altamente sensiveis aos efeitos do LSD”.

Nos anos que se seguiram houve controvérsia acerca da causa da morte do animal. Alguns alegaram que não foi o LSD o causador do òbito, mas sim as drogas utilizadas para reanimá-lo. Então , vinte anos depois, Ronald Siegel, da Univesidade de Los Angeles, decidiu dar fim ao debate administrando a mesma dose de LSD a dois outros elefantes.

Ao invés de injetar o LSD, Siegel misturou a droga na água.Quando administrado dessa forma o LSD parece não ser fatal aos animais. Os elefgantes não só sobreviveram como permaneceram calmos. Ficaram vagarosos, balançando para frente e para trás e emitiram ruidos estranhos parecidos com chios e trinados mas em algumas horas já estavam voltando ao normal.

Entretanto, Siegel observou que a dosagem que Tusco recebeu pode ter excedido o limiar de toxidade, de forma a ser impossivel precisar a causa da sua morte .

A polêmica continua

Valeu pessoal até o próximo post espero que gostem desse
Postagem: Filho


O mistério das pedras deslizantes

As pedras deslizantes são um dos fenômenos mais intrigantes da geologia e fica situado no parque do vale da morte, na Califórnia (E.U.A.), um lugar de topografia e temperatura extremas. O fenômeno pode ser também observado especialmente em Racetrack  Playa  lago seco onde foi estudados e registrados os mais notáveis movimentos das pedras , pedras de tamanhos variados (Algumas pesam até 300Kg) são encontradas até milhares de metros de distância do seu ponto de partida inicial deixando rastros de extensão e direção variados , Sem evidência alguma de intervenção humana ou animal.  Existem vários estudos mas nenhum deles ainda é tido como a resposta definitiva para o fenômeno do movimento das rochas. Em 1972, Bob sharp e Dwight Carey iniciaram uma  cerca de 30 pedras. Cada pedra recebeu um nome e foram observadas por um período de sete anos. Cercas de proteção para prevenir a ação dos ventos (uma hipótese cogitada em 1948) foram montadas as ronhas moveram-se da mesma forma, trazendo resultados ainda mais intrigantes.

As tentativas de desvendar esse mistério não acabou por ai, Então muitos pesquisadores começaram a bater cabeça para tentar descobrir o mais esse mistério, Lendas hipóteses não faltam para explicar o fenômeno, contudo nos últimos anos, com o avanço da tecnologia, cientistas puderam elucidar ou pelo menos apresentar, uma explicação mais coerente com o fato , afinal  cogitou – se que fossem fenômenos ufológicos, ou obra do além.

O detalhe na superfície do lago  ?

As marcas são sulcos na superfície do lago seco, formando extensos rastros, sugerindo que as rochas teriam se movido provavelmente ainda quando o solo estava mole e úmido isto quer dizer que elas não se movem quando a terra esta seca .

Ninguém nunca presenciou o movimento dessas rochas uma das teorias mais aceitas: coloca a gravidade como culpa do fenômeno;
Quando o lago se encontrava com uma fina camada de lama mole e úmida está com a superfície propicia para que o fenômeno volte a acontecer essas rochas deslizam e variam de trajetória com relação a outras rochas seria por conta do vento?

Mas como explicar rastros com mais de 800 metros?

Outra curiosidade; o lado norte do lago e mais alto que o lado sul, e as pedras movem se para o lado mais alto, o que torna o fenômeno mais estranho.
Alguns pesquisadores acreditam que as aguas das chuvas amolecem a camada superficial do lago, e a foça da água move a pedra, afinal a superfície lisa e mole, diminuindo assim o atrito tornando a pedra um pouco mais leve. Depois a lama seca  e pronto a pedra esta em outo local e assim vai se repetindo esse mesmo processo, Uma pedra poderia levar centenas de anos para fazer um rastro tão extenso

Descobriu-se que a maior parte das pedras moveram-se do sudeste para o noroeste, isto é muito interessante, afinal é nesta direção que prevalece o sentido dos A na região.

Um estudo mais recente, utilizando de equipamentos de alta tecnologia, descobriu que na parte sudoeste do lago. A cadeia de montanha e rochas favorecem a formação de um túnel de vento, um foco poderoso de energia que muda de direção na superfície do lago. Justamente nesta área que há um maior numero de rochas, e com os rastros mais variados, sugerindo assim que a força deste vento combinada com a superfície úmida do lago, que gera  um baixo atrito da rocha com o solo, promove seu movimento. Segundo estes mesmo estudos alguns dos trajetos teria levado mais de 5  mil anos até terem sido formados

Valeu pessoal até outras postagens aqui no blog

Pesquisa e edição : Filho