“Se matamos uma pessoa somos assassinos. Se matamos milhões de homens, celebram-nos como heróis " – Charles Chaplin

Arquivo por Autor

Quase Abdução em Michigan

O fato é relativamente recente, 27 de outubro de 2013, há vários videos na internet, mas esse me chamou bastante atenção, tirem suas próprias conclusões.

Abraço, até mais.

Janderson Shift

Anúncios

Coincidência ou Fato?

Ao digitar www.itanimulli.com (Illuminati ao contrario) você é redirecionado para o site da National Security Agency.

nsa_seal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foi um post breve pessoal, mas estamos voltando a ativa, abraço até mais.

Janderson Shift.


Ex-ministro canadense reconhece presença de ET’s na Terra

Durante uma audiência pública sobre a revelação dos ufólogos, na cidade de Washington (EUA), o ex-ministro da Defesa do Canadá, Paul Hellyer, fez uma declaração que surpreendeu os participantes.
À frente do ministério por 23 anos, Hellyer afirmou que os objetos voadores não-identificados (ovnis) “são tão reais quanto os aviões voando sobre as nossas cabeças”.
Paul Hellyer afirmou que teve a chance de ser o primeiro líder do mundo a fazer uma declaração deste tipo, de maneira “clara e inequívoca”.
Durante o seu discurso, o ex-ministro disse que “reconhece ao menos 4 espécies diferentes convivendo conosco neste momento no mundo. Há ETs vivos na Terra neste momento, e pelo menos dois deles trabalham com o governo dos Estados Unidos”.
Paul Hellyer2

ets-e-suas-naves-2

____________________________________________________________________________________________________________

Fonte: http://atarde.uol.com.br

Video extra, confiram.


OVNI cai em vulcão no México

 

O que vocês acham?

Estamos mais próximos deles?

Por: Janderson Shift (Voltando com sequência de posts, abraço.)


Mudvayne

Poucos conhecem a Banda de metal alternativo Mudvayne, e quem conhece provavelmente gosta por causa de sua sonoridade e visual agressivo ao máximo, mas há algo que me fascina nessa banda além desses fatores.  Pra iniciar o nome da banda “Mudvayne” veio de um sonho que o vocalista Chad Gray teve em que ele foi abduzido por extraterrestres e lá lhe deram uma senha, senha esta que hoje é o nome da banda. Ótimas letras e vídeo clips, há certo mistério sobre a banda, pouco se sabe sobre seus integrantes, os assuntos abordados pela banda é de grande inteligência, esoterismo, ocultismo, alquimia, kabbalah, astrologia, biologia, história, física, química e matemática , uma eterna busca de saber o que você realmente é, o que te faz matar, o que te faz amar. O baterista Matt é membro da Golden Dawn, o vocalista Chad, tem uma grande curiosidade sobre óvnis extraterrestres etc, e vemos isso em suas letras e maquiagens. Mudvayne é uma banda polemica e contraditória ao governo e qualquer forma de manipulação em massa.

Análise de algumas músicas.

álbum The End Of All Things To Come ‘ encontramos em algumas músicas várias menções a Golden Dawn .

‘The place you would go and try to escape
Children, learning the secret knock, a nickel
To enter that place’

Tradução — O lugar que você deveria ir e tentar escapar
Crianças aprendendo o Toque Secreto, um níquel para se entrar naquele lugar.

E lembrando que a capa do Álbum é um símbolo usado em rituais.

Scrying: Album ‘The End Of All Things To Come.

Scrying é o uso de magia ou habilidades psíquicas para ver as coisas que estão ocultas para outra pessoa.
Por exemplo quando um vidente(ou algo do tipo) esta olhando em uma bola de cristal, em inglês se fala que ele esta Scrying
No caso da música ele vê na água uma coisa que outra pessoa não pode ver!

podemos ouvir no trecho da skrying :

“skrying through refections in a pool
i see death coming, mowing down
do you remember, the bedroom
Was it your cell or was it your tomb”

traduçãoSkrying através de reflexões em uma piscina
Eu vejo a morte chegando, derrubando
você se lembra, o quarto
Era o seu cubículo ou foi o seu túmulo

Skrying é um objeto para obter informações não disponíveis normalmente. Os métodos comuns incluem espelhos, pedras, cristais bolas, piscinas de água, tinta ou sangue, fogo, e etc.

Mercy Severity: Album the end of all things to come

“Mother of creation wait
embrace the souls of the lost world and carry them away
Portal sits deep within the eye,
The eye of yin’s severity,
Rewards understanding
Portal sits deep within the eye,
The eye of yin’s severity,
Rewards understanding”

Tradução

“Abraçar as almas de um mundo perdido e levá-los embora

Portal senta no fundo do olho,
O olho da gravidade do yin,
Recompensas compreensão
Portal senta no fundo do olho,
O olho da gravidade do yin,
Recompensas compreensão”

Esse yin no caso seria menção ao yin/yang
da cultura oriental…

A “Mercy, Severity”, tem uma série de referências orientais: o Yin do Yin e Yang taoísta, e a linha de “Mãe da destruição espera / Com um cinto de caveiras me prende pra baixo” pode estar se referindo à deusa hindu Kali.

Solve et coagula: Album The end of all things to come

O nome “Solve et Coagula” vêm das palavras em latim que aparecem nos braços do mitológico demônio Baphomet. A imagem de Baphomet também indica o equilíbrio, o Yin Yang, veja que ele aponta a mão direita para uma lua branca, e a mão esquerda para uma lua preta


Cada música do The End Of All Things To Come tem um símbolo zodíaco:

* Áries – “The End of All Things to Come”
* Touro – “Trapped in the Wake of a Dream”
* Gêmeos – “Shadow of a Man”
* Câncer – “World So Cold”
* Leão – “Not Falling”
* Virgem – “The Patient Mental”
* Libra – “Silenced”
* Scorpião – “Skrying”
* Sagitário – “Solve et Coagula”
* Capricórnio – “(Per)version of a Truth”
* Aquários – “Mercy, Severity”
* Peixes – “A Key to Nothing”

Todas, exceto a 12:97:24:99. No encarte do CD, em vez de ter um símbolo zodíaco, tem a capa do álbum como símbolo, isso talvez represente o conceito de não dualidade da escola de filosofia Hindu ‘Advaita-Vedanta’, que diz que ‘A verdade somente pode ser descoberta através do silêncio’. Essa música na verdade não representa nada, ou representa algo além de todas as definições. As letras dessa música estão em hebreu.
O álbum tem fortes influências da filosofia Hindu e Budista. Mais forte é o tema da natureza do nada, que é parecido com a crença Hindu e budista que o mundo material é uma ilusão. Também tem o ciclo natural do tempo, renascimento e a presente destruição. A música ‘Mercy, Severity’ em particular, tem um número de referencias orientais, o Yin de Daoist Yin e Ya

Obs: não sei se vocês lembram-se do novo signo do zodíaco que os astrônomos dizem existir, as noticias sobre ele começaram no inicio desse ano 2011, e esse álbum do Mudvayne é de 2002, quem gosta de conspiração vai relacionar fácil a isso que vou dizer agora, a capa do Album é uma pirâmide e observando  a pirâmide maya de um certo ponto e horário especifico, se não me engano é quase quando o sol esta se pondo, feita pela sombra da pirâmide vemos uma  serpente e o nome do novo signo é Serpentário, agora fica o silêncio pra vocês refletirem sobre…..

Monolith: Album L.D 50

As palavras faladas em “Monolith” são de Terence McKenna, um famoso pesquisador de alucinógenos, explicando a sua teoria de que os símios (macacos) evoluíram para seres humanos através do consumo de cogumelos alucinógenos.

(k)Now F(orever): Album L.D 50

‘Do what you will make it the whole of your law’

Tradução — ‘faça o que deseja, faça isso toda sua lei’
é uma das regras do Thelema. A religião fundada por Crowley.

Curiosidades:

O inicio da musica Beautiful And Strange do álbum Self-titled, pode se ouvir no Filme The shining (O iluminado)

O termo All work and no play makes me a dull boy que vemos na música Dull boy, também veio do filme The Shining, não irei falar detalhes pra não estragar o filme.

O Baterista tem uma tatuagem da Golden Dawn no peito esquerdo

Mais um post terminando por aqui, e até o próximo.

Pesquisa e edição: Janderson Shift.


O lado negro da Maçonaria (Parte 2)

E ai galera, dando continuação a Matéria “ O lado negro da maçonaria “ essa é a segunda parte, quem não acompanhou aconselho a ler a primeira parte clikando aqui. Sem delongas vamos a segunda parte de O lado negro da maçonaria.

Continuando sobre a forma dos rituais, outro ritual parecido com o anterior citado é que todo maçom coloca seu dedão em sua garganta e faz o juramento de sangue para não revelar os segredos da maçonaria ou terá sua garganta cortada esse juramento pagão,

serve para eles não revelarem os segredos de acordo com o seu progresso na loja, passando pelos graus, a maioria dos homens irão entrar no rito escocês e progredir até o 32º grau, e em cada um desses graus eles irão adorar Deuses diferentes deuses egípcios, deuses da persa, deuses gregos, e eles camuflam isso com símbolos alegorias, como se fosse um teatro,  para que os Maçons iniciantes não entendam inteiramente o sentido daquilo, na loja azul, o principiante é iniciado para a trindade egípcia de mistérios antigos do Egito, e ao mesmo tempo  a trindade egípcia é escondida por símbolos etc, sendo assim o principiante não sabe o por que da importância da trindade, e acaba sendo algo inútil no inicio, mas se eles lerem os livros que explicam os símbolos fica tudo óbvio  saber no que eles estão envolvidos, eles estão envolvidos em adoração pagã, muitos dos livros se baseiam na cabala que é o livro de ocultismo do Egito.

O paganismo era e é uma religião da natureza seus rituais eram desenvolvidos ao redor das fases da lua e nas estações do ano etc, então há uma dualidade, sol e lua, luz e escuridão, ativo e passivo, macho e fêmea, o paganismo desenvolve direitos de fertilidade baseada sobre o ato sexual , mas especificamente orgãos reprodutores sexuais, esta é uma das razões para o maçom quando entra na loja usa um avental de pelica branco, eles usam o avental como uma cobertura no que eles realmente acreditam, no principio gerador da vida, como também seu mais conhecido símbolo que é o compasso e o esquadro, que o esquadro representa o feminino e o compasso é o masculino sobre o feminino que está fertilizando a fêmea sendo assim o principio da vida, o orgão masculino é a imortalidade da vida, quando eles falam de imortalidade, eles falam sobre a recriação da vida através do ato sexual, falando de símbolos não podemos esquecer o obelisco, o obelisco é um pilar de pedra alta com base quadrada  e com o topo de pirâmide, e era usado pelos egípcios como símbolo de ressurreição a ideia era um símbolo fálico faraônico ficava erguido e ereto como símbolo de procriação onde a pessoa era ressuscitada através de seus descendentes este era o argumento usado naquela época, e o mesmo se repete hoje por exemplo onde há um maçom enterrado com frequência há um obelisco usado para marcar o túmulo por exemplo George Washington tinha obelisco em seu túmulo algumas vezes no obelisco existe o esquadro e o compasso para afirmar com toda certeza de onde eles tinham vindo.

Parece incrível que maçonaria esse sistema de moralidade e formadores de bons homens possa ser realmente paganismo não é ?

Então iremos para mais um fato, o ponto dentro do circulo é um dos símbolos mais eminentes o grão mestre Albert Pike ensina no livro O simbolismo da maçonaria, página 353.

“O ponto dentro do circulo é derivado da adoração ao sol que é na realidade de origem fálica é um símbolo do universo sol representado pelo ponto e o circulo o universo”

Em o manual da loja página 56,Albert  Mackey disse.

“O fálico era a imaginação do orgão gerador masculino era representado geralmente por uma coluna que na sua base era rodeada por um circulo, o ponto dentro do circulo foi intencionado pelos antigos como uma espécie de poder falico da natureza do qual eles adoravam de uma forma única do ativo ou principio macho e o do passivo ou principio da femea”

O paganismo reconhecia e adorava esses poderes como a força criativa na  natureza Albert Pike era Grã comandando do rito escocês em 1800, do seu livro morais e dogmas.

“O sol  e a lua representa os dois grandes princípios de toda geração, o ativo e  o passivo, o macho e a fêmea, ambos brilham sua luz sobre seus descendentes, a estrela brilhante ou Hórus”

Essas autoridades da maçonaria concordavam que o simbolismo da maçonaria era ocultista e derivado do paganismo.

A bruxaria é a religião do paganismo, a adoração do Deus sol e da Deusa  lua em várias formas, os relatos de bruxos e de maçons são muito similares, ritual de iniciação, símbolos etc.

então é isso galera mais um post terminando por aqui, lembrando que esses textos são baseados em documentários e textos, não é a nossa opinião, queremos apenas divulgar a semelhança que pode ser proposital ou não, mas que é intrigante isso é.

irá haver mais umas duas partes sobre esse tema, para terminar a matéria então se preparem, pois o assunto é interessante, até o próximo post abraço.

Pesquisa e texto: Janderson Shift


Elizabeth Báthory, a condessa de sangue.

É inacreditável como a busca pela beleza leva uma pessoa a fazer atos “bizarros” e loucuras, este é o caso de Elizabeth Báthory.

Elizabeth Báthory nasceu em 7 de agosto de 1560 na Hungria. Dizem que o motivo de seu sadismo foi pelo fato de que ela cresceu na época em que os Turcos conquistaram a maior parte do território húngaro, que servia de campo de batalha entre os exercitos do império Otomano e a Áustria dos habsburgo. A família também tomou partido junto ao protestantismo, que era uma nova forma de oposição ao catolicismo romano. Desde muito jovem a moça, muito bela, já havia sido prometida em casamento. Aos 11 anos de idade já era noiva de um conde local, mas aos 14 anos engravidou de um camponês e fugiu, para não complicar seu casamento. Não se sabe o fim que a criança teve, mas o casamento ocorreu no ano seguinte. Acredita-se que durante as viagens do Conde, Elisabeth tomava conta dos assuntos do castelo, e a partir daí começou a aflorar seu lado sádico. Além de maltratar os empregados, ela era famosa apelo comportamento arbitrário e pela crueldade com quem infringia as regras. Ela costumava espetar agulhas em partes sensíveis do corpo, como embaixo das unhas e mandava as vítimas ficarem nuas na neve para que fossem banhadas com água fria e morressem congeladas. Existem relatos de que ela teria aberto a mandíbula de uma criada até que os cantos de sua boca rasgassem. Mas ela não fez tudo sozinha, teve ajuda de Seu marido tambem, que lhe ensinou a cobrir uma mulher de mel para que insetos viessem atacar a vitima. A sua obsesão por beleza iniciou quando ela estava se penteando e uma empregada acidentalmente puxou seu cabelos. ela espancou a empregada até a morte e seu sangue espirrou na mão de Elizabeth, ela acreditou que aquele sangue havia rejuvenescido sua pele, aparti dai surgiram boatos que a condessa se banhava com sangue para mante-la bela e jovem.

No entanto, com toda sua crueldade, há relatos de que Elizabeth era uma boa mãe para os seus três filhos que teve com o conde. Elizabeth ficou viúva em 1604, e com isso aumentou ainda mais sua insanidade mental. Ela se mudou para Viena e lá conheceu outras mulheres que a incentivaram a continuar e refinar seus métodos de tortura e assassinato. Os nomes de todas as suas vítimas só foram descobertos quando uma investigação para verificar as dividas do marido teve acesso a sua agenda pessoal, que continha o nome de mais de 650 vítimas registradas com sua própria letra. Durante seu julgamento, não foram encontradas provas de seus atos, apenas testemunhas que a acusavam A condessa ficou na prisão por três anos, até sua morte em 1614. Cem anos depois, o padre jesuita Laszlo Tutoczy encontrou alguns documentos originais do julgamento e recolheu Histórias que circulavam entre os habitantes locais. Então com base nesses documentos surgiu a Lenda da condessa, de acordo com essa lenda existia em um calabouço uma gaiola com lâminas penduradas no teto, onde os condenados eram colocados e espetados com lanças, para se moverem e se cortarem, e esse sangue caia em um recipiente para os banhos de Elizabeth. Há músicas e filmes que relatam sua vida.

Banda: cradle of filth

Música: Bathory Aria

 

 

Filme:Bathoty (título original)/ Condessa de sangue (título brasileiro)

Trailer

Continuem comentando galera, obrigado por lerem  nosso blog, até o próximo post.

Edição e pesquisa: Janderson Shift